Canon EF 14mm f/2.8 L II USM

A EF “mais grande” angular retilínea da Canon

Março/2014 – A EF 14mm f/2.8L II USM é a objetiva “mais grande” angular retilínea da linha Canon EF. Enquanto as 15mm “fisheye” mostram um ângulo de visão muito maior em 180º com distorção do tipo bolha, a EF 14mm e seus 114º mantém as linhas ao redor do quadro totalmente retas. É uma diferença grande no look das imagens já que a primeira distorce a visão como um olho de peixe, interessante para alguns estilos de esportes e fotos cômicas; mas só a 14mm retilínea é própria para arquitetura e composições dramáticas sem distorção. (english)

“SF” com a EOS 5D Mark II + EF 15mm f/2.8 Fisheye em f/13 1/250 ISO100; distorção geométrica “olho de peixe”.

“SF” com a EOS 5D Mark II + EF 15mm f/2.8 Fisheye em f/13 1/250 ISO100; distorção geométrica “olho de peixe”.

“Phone” com a EOS 5D Mark II + EF 14mm f/2.8L II USM em f/8 1/90 ISO50; as linhas retas ficam retas com as lentes retilíneas.

“Phone” com a EOS 5D Mark II + EF 14mm f/2.8L II USM em f/8 1/90 ISO50; as linhas retas ficam retas com as lentes retilíneas.

Custando US$2359 a Canon EF 14mm f/2.8L II USM é uma das lentes do segmento “specialty” para câmeras EOS. Estas objetivas entregam resultados distintos e dependem de vidros de altíssimo desempenho para entregar as imagens que os profissionais precisam. É um projeto com quatorze elementos em 11 grupos, dois deles asféricos de alta precisão e dois “UD”; para qualidade de imagem máxima de ponta a ponta do quadro, mesmo totalmente aberta em f/2.8.

Canon EF 14mm f/2.8L II USM Lens

Ela entrou no meu kit em 2011 como um dos presentes de aniversário mais especiais da vida. :-) Substituiu a zoom EF 16-35mm f/2.8L II USM por ser ainda mais wide e consideravelmente superior nas bordas e troquei aquela pela prime EF 35mm f/1.4L USM. Então fiquei com um kit melhor de lentes fixas que atendem quase o mesmo range e com maior performance. Hoje a EF 14mm f/2.8L II USM é usada principalmente com a Blackmagic Cinema Camera (equiv. 32mm) já que minhas necessidades no ultra wide angle são atendidas pela Nikon AF-S Nikkor 14-24mm f/2.8G + D800E. Vamos ver o que a Canon conseguiu fazer no grande angular e se vale o investimento. Boa leitura!



CONSTRUÇÃO E OPERAÇÃO

Canon EF 14mm f/2.8L II USM Lens

Em 645g de 7.8×9.4cm de um corpo feito de metal, a EF 14mm f/2.8L II USM é um projeto robusto típico da série L. Ela é sólida nas mãos e equilibra bem nos corpos full frame 5D, 6D e 1D, já que o peso da lente compensa o peso da câmera. O elemento frontal convexo e o parasól do tipo pétala integrado também são marcas distintas no desenho, que não suporta filtro dianteiro; os géis são usados em uma baioneta atrás, que exige montar/desmontar a lente da câmera para trocá-los. Polarizadores ou filtros ND graduados infelizmente não podem ser usados nas frente; só com adaptadores especiais para vidros quadrados, mais caros, por exemplo da Lee Filters.

Canon EF 14mm f/2.8L II USM Lens

A operação do equipamento é extremamente simples com apenas um botão para ligar/desligar o foco automático, e um anel frontal para o foco manual. O motor é do tipo USM, ring, interno, e extremamente rápido; o caminho da distância mínima (20cm) até o infinito é percorrido em menos de um segundo (bem menos); e o silêncio é total. Como todas as primes da série L, o anel de foco manual tem movimento extremamente macio e jogo mínimo; os ajustes são precisos mesmo na mudança de direção, e podem ser feitos com o botão em modo “A” (full time manual). O elemento frontal não mexe e a lente tem uma borracha traseira para vedação contra respingos e poeira.

Canon EF 14mm f/2.8L II USM Lens

Enfim é sempre um prazer falar da série L da Canon. São objetivas feitas para superar o tempo de vida do fotógrafo ou anos de trabalho pesado, nas mais difíceis condições. A construção  excelente e a operação simples deixariam esta lente o tempo inteiro montada na câmera, mas como veremos nas imagens a seguir, o look ultra grande angular é único e não para todos os dias. Como se comporta a qualidade de imagem desta super specialty lens Canon? Vamos ver.


QUALIDADE DE IMAGEM

“Suleymaniye Mosque” com a EOS 5D Mark II + EF 14mm f/2.8L II USM em f/5.6 1/15 ISO400; contraste e reprodução de cores impecável.

“Suleymaniye Mosque” com a EOS 5D Mark II + EF 14mm f/2.8L II USM em f/5.6 1/15 ISO400; contraste e reprodução de cores impecável.

Projetar uma lente grande angular é das tarefas ópticas mais difíceis. O ângulo de visão super aberto apresenta desafios para a qualidade de imagem, como: manter resolução de ponta a ponta do quadro e baixos níveis de aberrações cromáticas; consistência de cores e exposição; além de reflexos internos causados pelos vidros obrigatoriamente convexos. E a Canon parece nunca ter dominado a técnica do ultra wide angle: a EF 14mm f/2.8L II USM é o melhor que ela conseguiu fazer até hoje (resolução na foto toda), mas os defeitinhos ópticos continuam lá (CA lateral).

“Retrato” com a EOS 5D Mark II + EF 14mm f/2.8L II USM em f/11 1/90 ISO50; participação do cenário com qualquer sujeito.

“Retrato” com a EOS 5D Mark II + EF 14mm f/2.8L II USM em f/11 1/90 ISO50; participação do cenário com qualquer sujeito.

Logo em f/2.8 a reprodução de detalhes no centro é excelente com pouca perda de resolução no perímetro do quadro, mesmo em câmeras full frame. O contraste é perfeito nesta abertura e não há sinais de blooming, já que não estamos falando de uma lente extrema (f/2 para baixo). As fotos em f/2.8 são totalmente usáveis para impressões gigantes e os detalhes estão lá, coisa que não vimos na EF 16-35mm f/2.8L II USM e minha principal reclamação daquela objetiva.

“RLGN” com a EOS 5D Mark II + EF 14mm f/2.8L II USM em f/2.8 1/30 ISO800; abertura máxima facilita o trabalho com pouca luz.

“RLGN” com a EOS 5D Mark II + EF 14mm f/2.8L II USM em f/2.8 1/30 ISO800; abertura máxima facilita o trabalho com pouca luz.

Crop 100%, ótima resolução em f/2.8.

Crop 100%, ótima resolução em f/2.8.

“Pão” com a EOS 5D Mark II + EF 14mm f/2.8L II USM em f/4 1/125 ISO400; sujeitos no centro do quadro evitam a distorção das linhas.

“Pão” com a EOS 5D Mark II + EF 14mm f/2.8L II USM em f/4 1/125 ISO400; sujeitos no centro do quadro evitam a distorção das linhas.

Crop 100%, reprodução de detalhes ao centro.

Crop 100%, reprodução de detalhes ao centro.

“Cairo” com a EOS 5D Mark II + EF 14mm f/2.8L II USM em f/4 1/30 ISO1600.

“Cairo” com a EOS 5D Mark II + EF 14mm f/2.8L II USM em f/4 1/30 ISO1600.

Crop 100%, nitidez beira o espetacular.

Crop 100%, nitidez beira o espetacular.

Fechando para f/4 em diante a única mudança notável é na profundidade de campo e um controle indispensável no ultra wide angle, já que raramente os sujeitos são planos em toda a dimensão coberta pelos 114º de visão. Paisagens, arquitetura e composições dramáticas pedem tudo em foco para vermos as relações de tamanho e espaço em detalhes, e são um bom uso desta objetiva entre f/8 e f/11. Nenhuma outra lente da Canon projeta este ângulo de visão e com tanta qualidade. A resolução é altíssima no quadro todo afinal estamos falando de uma lente prime.



“T.” com a EOS 5D Mark II + EF 14mm f/2.8L II USM em f/8 1/180 ISO50; profundidade de campo usada para situar o sujeito no cenário.

“T.” com a EOS 5D Mark II + EF 14mm f/2.8L II USM em f/8 1/180 ISO50; profundidade de campo usada para situar o sujeito no cenário.

Crop 100% no centro, ótima resolução.

Crop 100% no centro, ótima resolução.

“Ayasofya I” com a EOS 5D Mark II + EF 14mm f/2.8L II USM em f/5.6 1/15 ISO500.

“Ayasofya I” com a EOS 5D Mark II + EF 14mm f/2.8L II USM em f/5.6 1/15 ISO500.

Crop 100%.

Crop 100%.

“Ayasofya II” com a EOS 5D Mark II + EF 14mm f/2.8L II USM em f/5.6 1/10 ISO640.

“Ayasofya II” com a EOS 5D Mark II + EF 14mm f/2.8L II USM em f/5.6 1/10 ISO640.

Crop 100%, resolução aceitável.

Crop 100%, resolução aceitável.

“Ayasofya III” com a EOS 5D Mark II + EF 14mm f/2.8L II USM em f/5.6 1/15 ISO320.

“Ayasofya III” com a EOS 5D Mark II + EF 14mm f/2.8L II USM em f/5.6 1/15 ISO320.

Mas os defeitos ópticos típicos do grande angular aparecem em peso e são quase inaceitáveis nesta lente de mais de US$2000, apesar da fácil correção via software. Em especial o CA lateral em áreas de contraste, roxo e amarelo do lado direito, rosa e verde do lado esquerdo, atrapalha praticamente todas as imagens direto da câmera e tem de ser corrigido no computador ou por processadores avançados (DIGIC 5 para cima). É uma pena ver este problema na Canon uma vez que a equivalente Nikon simplesmente não tem tanto disto, apesar da resolução menor.



“Luxor”  com a EOS 5D Mark II + EF 14mm f/2.8L II USM em f/8 1/90 ISO400;

“Luxor” com a EOS 5D Mark II + EF 14mm f/2.8L II USM em f/8 1/90 ISO400;

Crop 100%, centro.

Crop 100%, centro.

Crop 100%, CA esquerdo.

Crop 100%, CA esquerdo.

Crop 100%, CA direito, grosseiro.

Crop 100%, CA direito, grosseiro.

“oriaC” com a EOS 5D Mark II + EF 14mm f/2.8L II USM em f/5.6 1/250 ISO50.

“oriaC” com a EOS 5D Mark II + EF 14mm f/2.8L II USM em f/5.6 1/250 ISO50.

Crop 100%, centro.

Crop 100%, centro.

Crop 100%, CA esquerdo.

Crop 100%, CA esquerdo.

Crop 100%, CA direito.

Crop 100%, CA direito.

“Centro” com a EOS 5D Mark II + EF 14mm f/2.8L II USM em f/8 1/60 ISO50.

“Centro” com a EOS 5D Mark II + EF 14mm f/2.8L II USM em f/8 1/60 ISO50.

Crop 100%, problemas ópticos devem ser resolvidos antes da impressão.

Crop 100%, problemas ópticos devem ser resolvidos antes da impressão.

“Ponta” com a EOS 5D Mark II + EF 14mm f/2.8L II USM em f/11 1/90 ISO50; resistência a flaring.

“Ponta” com a EOS 5D Mark II + EF 14mm f/2.8L II USM em f/11 1/90 ISO50; resistência a flaring.

Crop 100%, detalhes em f/11.

Crop 100%, detalhes em f/11.

“Paredão” com a EOS 5D Mark II + EF 14mm f/2.8L II USM em f/11 1/45 ISO50; distorção geométrica praticamente nula.

“Paredão” com a EOS 5D Mark II + EF 14mm f/2.8L II USM em f/11 1/45 ISO50; distorção geométrica praticamente nula.

Crop 100%, CA lateral, mas detalhes estão lá.

Crop 100%, CA lateral, mas detalhes estão lá.

“Kapa” com a EOS 5D Mark II + EF 14mm f/2.8L II USM em f/8 1/180 ISO50; 14mm responsáveis pela amplitude da composição.

“Kapa” com a EOS 5D Mark II + EF 14mm f/2.8L II USM em f/8 1/180 ISO50; 14mm responsáveis pela amplitude da composição.

Crop 100%, detalhes e CA.

Crop 100%, detalhes e CA.

“O” com a EOS 5D Mark II + EF 14mm f/2.8L II USM em f/8 1/125 ISO50.

“O” com a EOS 5D Mark II + EF 14mm f/2.8L II USM em f/8 1/125 ISO50.

Crop 100%.

Crop 100%, CA ruim, resolução boa.

VEREDICTO

Enfim uma lente de altíssima qualidade da Canon que entrega o que os profissionais precisam: resolução, contraste, reprodução de cores e construção L. Mas longe de ser perfeita: o CA lateral é grosseiro e exige correção no pós-processamento. As Nikon AF-S 16-35mm f/4G ED VR e AF-S 14-24mm f/2.8G são quase livres destes defeitos e projetos zoom, com maior complexidade; porém sem a mesma resolução. Desde a sua apresentação em 2008 a Nikkor 14-24mm “roubou” profissionais Canon e os levou para o F-mount, comprovando que a “grande N” é especialista no ultra grande angular; e a “grande C” é especialista no telephoto. Mas a EF 14mm f/2.8L II USM não deixa de ser um prazer de usar e a reprodução de detalhes dela é imbatível. Boas fotos!